A vida em Amesterdao



Nao o retalho da vida de um medico, mas o retalho da vida de uma portuguesa na terra dos diques, bicicletas, tulipas, moinhos, queijo... e sim, das drogas e do Red Light District tambem.


quarta-feira, 20 de outubro de 2010

Insane much?! (II)

Estar no aeroporto e olhar, perdida, para o ecra que indica onde estao as bagagens das chegadas. E perguntar a mim própria, após 5 segundos de esforcos infrutíferos: - De onde raio vim eu?

Sempre útil para poder ir buscar a mala...

3 comentários:

Andorinha disse...

WOW :)) Isso é mto ... pronto, amiga, precisas de CASA. Beijos

JoanaM disse...

ahaha... bom eu como sou uma pessoa lógia ia pelas preposições: se tens mala então vieste de longe, tiveste de mostrar o passaporte ou foi directo às malas? o que diz a etiqueta do código da bagagem? :)
estavas cansada, acontece aos melhores viajados!

Tuxa disse...

Depois de 10 dias a acordar e deitar sempre no mesmo sítio, estou de volta a normalidade!