A vida em Amesterdao



Nao o retalho da vida de um medico, mas o retalho da vida de uma portuguesa na terra dos diques, bicicletas, tulipas, moinhos, queijo... e sim, das drogas e do Red Light District tambem.


segunda-feira, 27 de setembro de 2010

Prenda

Como já aqui referi várias vezes, há uma sapataria que fica no meu caminho de casa que tem os sapatos mais giros de Amesterdao... mas sao caros. Bastante caros.

Há um mes, talvez, fiquei parada na montra a olhar para estes dois pares de sapatos/botas. Os primeiros porque achei arrojadíssimos (e impossíveis de usar) e me pareceram arte, as segundas porque me apaixonei. E tirei-lhes fotos com o telefone.



Pelo preco que custavam, nem tive coragem de entrar na loja e experimentar. Mas decidi que no final do ano, caso o meu bónus na chafarica fosse simpático, as ia lá buscar. E comentei o facto num jantar de amigos.
Menos de um mes depois, e pelos meus anos, juntaram-se todos e ofereceram-me um voucher da sapataria. Demorou menos de 12 horas entre receber a prenda e ir buscar as minhas botas novas.
Sao a minha extravagancia, a minha cara e vou dar-lhes muito uso!
Tenho uns amigos muito a frente!!

5 comentários:

I. disse...

Belos amigos, só te digo ;) e as botas são giras 'pa caraças! Palavra de sapatólica.
(as primeiras são um nadinha muito mais à frente do que eu alguma vez ousaria, mas essas são perfeitas)

DRei disse...

Muito giras!!! Os amigos sao para estes mimos ;)

Goldfish disse...

Parabéns pelos aniversários, pela Graduation, presente ou não, e, principalmente, pelas botas ;p que são giras de morrer!

Desconfio que não nos vemos mais por terras baixas, por isso... Boa sorte, continua com a tua luta e até sempre! Beijos.

Andorinha disse...

Giras giras! Como a dona e os amigos! :D

m.a. disse...

surpresas assim são tãããããooooooo boasssss!!! :))