A vida em Amesterdao



Nao o retalho da vida de um medico, mas o retalho da vida de uma portuguesa na terra dos diques, bicicletas, tulipas, moinhos, queijo... e sim, das drogas e do Red Light District tambem.


quarta-feira, 24 de janeiro de 2007

Finalmente... ao fim de 4 longas e sofridas horas... o homem do realejo arrumou as trouxas e foi incomodar para outro lado.

3 comentários:

Fernanda disse...

Por baixo da janela do teu escritório? Olha se fosse por baixo da do apartamento e tocasse toda a noite?
Beijos e aproveita para descansar os ouvidos. Eu não teria esse problema, não é?
Beijos

Tuxa disse...

Por baixo do quarto a noite toda?!?
Nada que uma pistola munida de silenciador nao resolvesse... tup, tup...

AEnima disse...

ainda dizes tu que nao tens piada... estou aqui farta de me rir!