A vida em Amesterdao



Nao o retalho da vida de um medico, mas o retalho da vida de uma portuguesa na terra dos diques, bicicletas, tulipas, moinhos, queijo... e sim, das drogas e do Red Light District tambem.


sexta-feira, 26 de janeiro de 2007

Contas

Ha uns tempos recebi uma conta da empresa do gas para pagar 430 euros...

Pior, era apenas uma estimativa do que deveria pagar mensalmente de gas! Depois de ficar exangue e com arritmia, la apanhei o meu estomago que tinha rolado para debaixo do sofa e liguei para a companhia.

Expliquei que vivia sozinha, nao estava em casa todo o dia e que, portanto, era ridicula a conta mensal que eles propunham, independentemente de, no final do ano, haver uma leitura efectiva e o correspondente acerto de contas!!

Conversa para ca, conversa para la, ficou acordado pagar uma conta mensal de 115 euros, bem melhor... Ainda assim, sempre achei que era ridiculo e que nunca gastaria tanto dinheiro em gas.

No entanto, e considerando que tenho o aquecimento ligado ha 10 dias 24 horas por dia, comeco a reflectir melhor... e a chegar a conclusao que se nao quero pagar uma batelada de dinheiro no fim do ano, tenho de me convencer que no Verao vou ter de tomar banhos de agua fria!!!

Mas entretanto sabe tao bem, depois de andar pela rua, chegar a uma casa quentinha...

1 comentário:

sonia disse...

nao programas o aquecimento? aqui em casa so liga antes de acordarmos e antes de chegarmos em casa, de resto fica a 18 graus. o que todos os holandeses fazem, senao nao havia euros para mais nada!