A vida em Amesterdao



Nao o retalho da vida de um medico, mas o retalho da vida de uma portuguesa na terra dos diques, bicicletas, tulipas, moinhos, queijo... e sim, das drogas e do Red Light District tambem.


sábado, 13 de março de 2010

Magnética

  • Desmagnetizar cartoes multibanco como se nao fosse nada? check
  • Dar choques electricos ao meu namorado? check
  • Apanhar choque sempre que abro/fecho a porta do carro? check
  • Apanhar choque eléctrico sempre que agarro os sensores cardíacos das
    máquinas do ginásio? check
  • Ficar com os cabelos em pé só porque lhe passei com as maos? check

Um destes dias, consegui desmagnetizar o cartao do parque de estacionamento. Esteve guardadinho na minha mala (longe do telemóvel), durante 3 horas.

Ou sou magnética, ou ando eléctrica.

6 comentários:

AEnima disse...

Eu estou constantemente a apanhar choques sempre que toco em algo de metal. Ja tenho um trauma tal que ja arranjei tiques e tecnicas para apanhar uns mais pequenos.. e mesmo assim e' inevitavel. Como raios e' que evitamos isso? Eu nao faco ideia. Ja nao sei que mais fazer... mas choques electrico e' o meu terror!

bonifaceo disse...

No carro também me farto de apanhar e tal como como a AEnima também já tenho alguns tiques para não ser surpreendido. À noite ainda tem alguma piada porque se vê a faísca. :D
Pois, e há outros sítios, tal como carrinhos de compras...

Tuxa disse...

AEnima e bonifaceo,
Eu tenho imeeensos truques para minimizar a coisa. Tento fechar a porta do carro com a anca, toco em tudo o que é de metal muito rápido para sentir menos o choque, etc, etc. Mas o facto é que nao tenho hipótese. Se me distraio, trás, levo logo com um zap que até tremo. E fico num estado de nervos...

I. disse...

Quando ando eléctrica fecho o carro com a mãozinha no manípulo (plástico). O cabelo, penteio-o com a escova húmida. Mas nunca desmagnetizei cartões, ao menos isso! Bolas, grande carga, ó Tuxa.
(dizem que usar sapatos com sola de borracha aumenta a electricidade estática, porque não fazemos a ligação à terra. como sou fã de tudo o que é calçado confortável, acho que estou explicada)

Goldfish disse...

Bem... apesar de tudo, bates-me aos pontos na história dos choques! As mantas e roupa de fleece, por ex., dão conta de mim - no outro dia à noite, às escuras, até vi faíscas azuis!

bonifaceo disse...

Pois, eu para além de por vezes fechar a porta do carro empurrando o puxador, quando é no metal, tento tocar com todas as pontas dos dedos ao mesmo tempo, com a anca não, ainda hoje toquei sem querer com a coxa e porra... e quando toco com o peito? Aí é que me passo, por sentir à mesma mesmo tendo uma camada de roupa de intervalo.