A vida em Amesterdao



Nao o retalho da vida de um medico, mas o retalho da vida de uma portuguesa na terra dos diques, bicicletas, tulipas, moinhos, queijo... e sim, das drogas e do Red Light District tambem.


terça-feira, 6 de novembro de 2007

A noite dos museus (II)

Comecou com um lanche reforcado em casa da R. Varias pessoas foram chegando e trazendo umas bebidas para acompanhar os petiscos. Croquetes, rissois de bacalhau...

O bolo de chocolate com cobertura de chocolate e leite condensado estava um pedaco de ceu...

E depois la partimos nas binas (muito Dutch) em direccao ao Foam. Confesso que nao fiquei especialmente impressionada pelas fotos expostas, mas gostei bastante desta:

Da exposicao de Ryan McGinley - "Celebrating Life"

Apos a visita ao museu, lancamo-nos de novo nas binas em direccao ao Theatermuseum. O edificio do museu e lindissimo...

Mas a prometida "Battle of the Dances" deixou muito a desejar... na entrada do museu o aperitivo prometia (uma senhora numas vestes bastante peculiares) mas depois ficou uma sensacao de "saber a pouco". Ainda assim, valeu a visita!

De seguida, e apos uma paragem numa "tasca" de shoarmas, na qual se teve de comer na rua porque o dono queria fechar o estabelecimento, seguimos para o CS, o Stedelijk Museum. Fomos atraidos pela exposicao de Andy Warhol, mas acabamos por ver bastantes mais coisas. Foi o museu de que mais gostei. Ficamos mesmo ate ao final (as 02.00h) e depois decidi nao ir as after-hour parties que havia por perto... parecendo que nao, o pedalar de um lado para o outro e andar nos museus cansa.

E cheguei a casa com sensacao que as minhas pernas tinham sido passadas pela 1, 2,3....