A vida em Amesterdao



Nao o retalho da vida de um medico, mas o retalho da vida de uma portuguesa na terra dos diques, bicicletas, tulipas, moinhos, queijo... e sim, das drogas e do Red Light District tambem.


terça-feira, 1 de maio de 2007

As fotos do Queen's day!

E como prometido, as fotos!




Uma das tradições deste dia passa pela venda de coisas em 2ª mão nas ruas. Cada pessoa ocupa um espaço livre na calçada (algumas pessoas metem fita cola no chão uns dias antes a marcar lugar) e vende coisas que já não lhe interessam. A cidade torna-se uma gigante feira da ladra...



Depois há os barcos que passam cheios de gente a dançar e cantar, andam por todos os canais, mas principalmente pelo Prinsengracht. É só encontrar um sítio para encostar e ve-los passar às centenas... não faço ideia de onde veem tantos barcos e tantas pessoas.


Até as casas privadas se tornam palcos privilegiados para assistir ao espectáculo!

Claro que quando a noite cai e a festa acaba, o retrato geral da cidade é este... bem menos bonito...

Mas a verdade é que hoje de manhã a cidade estava quase como se não se tivesse passado nada... os senhores da limpeza e recolha do lixo devem ter tido uma noite e tanto!

9 comentários:

chiqui disse...

TUXA, muito obrigada pelas fotos. estao girissimas!!!
e que te tenhas divertido muitoooo.... soa-me que sim :)

Tuxa disse...

Diverti-me mesmo muito! Ha imensos holandeses que se piram neste fim de semana para fugir a loucura, mas para mim, como foi a primeira vez, foi um espectaculo!
Bjs

Capitão-Mor disse...

E ainda há quem fale mal das monarquias! :) Restauração já!!!

Capitão-Mor disse...

Ah, também te linkei. Fazes parte do conjunto de blogues da diáspora! :)

Breaking the Waves disse...

Deve ter sido bem divertido!!!

Gosto tanto de ver/ participar este tipo de eventos, fazem parte da essência de um povo, não é?

Resto de boa semana

bonifaceo disse...

Pelos vistos qualquer motivo quando se quer é bom para festejar... é que é mesmo muita gente nas ruas, parece Carnaval mas sem fatiotas :D ...
Beijo.

Tuxa disse...

bonifaceo,
Por acaso nem sequer tenho muito a ideia de os Holandeses serem de grandes demonstrações. A cultura protestante, por muito liberal que seja, ainda tem destas coisas, de não exortar o exibicionismo ou grandes demonstrações. O Queen´s day é realmente uma excepção e uma festa de arromba!
Bjs!

Anónimo disse...

Olá Tuxa. Curiosa a tua vida em amsterdam. Há 5 anos encantei-me pela pituresca "Vila" e não passo um ano sem visitá-la. Faz-me bem, não só para reforçar o meu sentido de cidadania e respirar um pouco de liberdade, como também para relembrar os cheiros e aromas que carinhosamente guardo o resto do ano até à visita seguinte. Este foi o meu 1º "Koninginnedag", admirável!.. Uma gigantesca festa de aniversário com muita folia e poucos excessos! E como tudo parecia novo no dia seguinte! Mais um exemplo a seguir. Dois dias passaram e as saudades já são muitas. Agradou-me conhecer um pouco mais da deliciosa amsterdam pelas tuas palavras. **'s Susana

Tuxa disse...

Capitão-mor,
Já!
Obrigada e bj.

Breaking the waves,
Creio que os Holandeses sem o Dia da Rainha não eram a mesma coisa. É realmente quando "mandam tudo cá para fora". Para ti tambem e bom fds.

Bem vinda Susana,
Concordo completamente contigo. Esta cidade enche-nos a alma de vida! Obrigada.