A vida em Amesterdao



Nao o retalho da vida de um medico, mas o retalho da vida de uma portuguesa na terra dos diques, bicicletas, tulipas, moinhos, queijo... e sim, das drogas e do Red Light District tambem.


quarta-feira, 18 de julho de 2007

Problema

Agora que o bom tempo la se decidiu a aparecer, surge um problema novo... como e que ando de bicicleta e saia?!?!?

Eu vejo-as passar em cima dos selins, formosas e seguras, com vestidos e saias esvoacantes, como se nao fosse nada. Convencida que nao haveria truque de maior, decidi hoje fazer o mesmo... E vim o caminho todo com uma mao no guiador e com outra na saia, que estava com vontade de se transformar em cachecol!!!

Ora, numa bicicleta em que os travoes ja nao sao grande coisa, se so fico com uma mao livre, arrisco-me a rapidamente descobrir o sabor do alcatrao.

De modo que:
Ou dou reforma as saias quando ando de bicicleta,
Ou continuo a arriscar a minha integridade fisica,
Ou, finalmente, assumo o risco de a saia me trair e arrisco-me a tramatizar esta malta, mal habituada que esta com as loiras de 1,85 e com figura de modelito!!!

Lamentavelmente, creio que as saias vao voltar ao roupeiro... tenho muito amor ao meu corpito e horror a ideia de me espatifar no alcatrao e ainda nao atingi um estado de elevacao espiritual de tal modo transcendente que me permita andar na rua de cuequita a mostra como se nao fosse nada...

14 comentários:

Hipatia disse...

E que tal uns calções de ciclista por baixo da saia?

:D

Anónimo disse...

Se as pernas forem bem feitinhas até podes andar à vontade.O truque delas é que têm pernas muito compridas e magras,ou então têm daquela fita igual à que se põe nos tapetes,colam na perna e a saía fica sempre no lugar,por um acaso até reparei nesse pormenor de andarem até com vestidos de cerimónia e mini saias, e tudo estava nos seus lugares,desde pequenas que andam de bicicleta têm muito treino.Eu tive um vestido com duas grandes rachas e tinha uns calções a complementar podes ter um assim era muito confortável e bonito, e assim podes pedalar sem probemas.Tens que ser mais desinibida.Boas pedaladas Beijo da FIFI

wednesday disse...

Uma mochila e trocas de roupa no destino;)

bonifaceo disse...

Eh eh eh.
Tens que arranjar uma maneira de prender a saia. :D

Thunderlady disse...

Protecções nos joelhos e nos cotovelos :) E calções de ciclista, como disse a Hipatia.

Tuxa disse...

A ideia dos calcoes ou da troca de roupa e boa mas pouco pratica!

Acho que a Fifi tem a solucao para o caso! Nao fazia ideia que tal coisa existia... eu bem via as saias no sitio, por isso tinha de haver uma solucao! Vou investigar em maior profundidade o assunto... entretanto as calcas estao muito bem!

Anónimo disse...

Nesse país nunca vi ninguém com calções de ciclista.Maria

I. disse...

A raínha de Inglaterra (vénia), segundo li não sei onde já há um ror de tempo, manda colocar chumbinhos nas baínhas das saias, não vá um pé de vento dar-lhe cabo da compostura... é uma ideia, não? ;)

CAP CRÉUS disse...

Pergunta-lhes como é que fazem...
ou então, mostra-lhes de que fibra são feitas as portuguesas!

chiqui disse...

Fitinha a segurar a saia??? olha la as holandesas... E so truques...
Eu acho que pra moi (perna curta, meia luca tuga em todo o seu fulgor) o problema era mesmo de autoestima :((
(na proxima vida quero ser alta. Com umas pernas de metro e meio. Pelo menos)

Anónimo disse...

Com tanto trabalho para andar de bicicleta com saias, mais vale andar de calças, caso a inibiçaõ perdure mais algum tempo...
Contudo, saias neste caso, para quam não está habituada a usa-las no contexto, poderá provocar acidentes a olandeses de olhos em bico... Mais um incidente diplomático... Portuguesa a perturbar o transito holandes.

Anónimo disse...

Só porlao me não idenfifiquei...
Jose Carlos

jose carlos disse...

Isto está mesmo mal...
Só holandeses de olhos em bico se portariam tão mal como eu.
Queria dizer que só por lapso me não identifiquei..

Rubina disse...

Lol

Tuxa, mesmo que a saia seja comprida não dá para andar de bicicleta?

Beijo