A vida em Amesterdao



Nao o retalho da vida de um medico, mas o retalho da vida de uma portuguesa na terra dos diques, bicicletas, tulipas, moinhos, queijo... e sim, das drogas e do Red Light District tambem.


quarta-feira, 28 de abril de 2010

Resumo de um fim-de-semana

Jantaradas e almocaradas todos os dias,

+

Riso e boa disposicao

+

Acordar cedo e deitar tarde,

+

Muita família e muitos amigos,

+

Sardinhas, muitos caracóis, petiscos, bacalhau.

=

Cansada, mas feliz.

(A minha sobrinha de 3 anos partiu o braco no meu último dia por Lisboa. Nao fosse isso e tinha sido perfeito. Isso e ter conseguido ir a praia)

2 comentários:

Andorinha disse...

Caracóis, sardinhas e jolas, e ainda querias praia, não?! Humpft! ;)
PS: se a sobrinha sair à Tia, o bracito partido é sinal de energia a rodos. Tadita da moça, 3 aninhos é mto poucochinho.

Tuxa disse...

Coitadinha, estava tao queixosa e choramingas. Cheiinha de dores! Sao só 2 dias de sofrimento e depois já nao doi! Pelo menos nao foi no Verao, que o gesso com calor dá cá umas comichoes....
PS: e creio que é bem pior que a tia em termos de energia! Tenho peninha no meu mano, tadinho!