A vida em Amesterdao



Nao o retalho da vida de um medico, mas o retalho da vida de uma portuguesa na terra dos diques, bicicletas, tulipas, moinhos, queijo... e sim, das drogas e do Red Light District tambem.


quarta-feira, 14 de abril de 2010

A expressao "meia-laranja"

Isto é um desabafo que nada tem a ver com a vida em Amesterdao. Fica o aviso.

Até há cerca de 3 anos nunca conheci ninguém que utilizasse a expressao "meia-laranja" para se referir a sua cara-metade. Nunca a vi escrita em revistas ou jornais. Nada...

Quando criei o blog, e porque nao queria usar nomes próprios, passei a identificar o meu namorado como meia-laranja, num mix de ideias (entre better half, cara metade e a cor da laranja = o cor de laranja é uma obsessao holandesa).

Entretanto, comecei a ver por vários blogs a expressao a ser utilizada com o mesmo intuito. E até descobri um blog escrito por 7 pessoas com nome e associacao semelhante. Eu nao sou "dona" da expressao, nao tenho ideia se a "inventei" e nao posso chatear-me com o facto de outras pessoas a usarem. Nao está registada, nao é minha. E nao sendo este meu cantinho muito popular e nao tendo assim tantas visitas como isso, o mais provável é que tenham ouvido a expressao noutro local qualquer. E que se tenha espalhado pela blogosfera via, via, via...

Mas confesso que sempre que leio "meia-laranja" noutros locais, me sinto roubada.... despojada de uma expressao minha, de algo que me diz muito, de um nome que uso com abundancia para falar de alguém extremamente importante para mim. E ver a mesma expressao banalizada, reutilizada, over and over again ... nao sei... fico com urticária e comichoes e zangada.

E era só isto.

10 comentários:

Luna disse...

Desculpa desiludir-te, mas é uma expressão popular. De tal forma ue até há um ditado popular brasileiro mais ou menos assim: se não encontras a tua metade da laranja, não desanimes, procura a metade do limão, põe-lhe açúcar, aguardente e gelo e sê feliz!

Tuxa disse...

Luna,
Como escrevi, tenho a certeza que há milhentos motivos (que nao o meu blog, obviamente) para a expressao se ter espalhado, mas isso nao muda em nada o meu sentimento. Acredito plenamente que seja uma expressao popular, mas eu nao a conhecia, nunca a tinha ouvido, achei mesmo (tótó) que era minha. E sinto-a como tal. Mesmo estando redondamente enganada...

Xana disse...

É a expressão espanhola para cara-metade: media-naranja.

bonifaceo disse...

Não tenho nenhum exemplo como a Luna e Xana, mas também tenho ideia de já conhecer a expressão há mais anos que os que referes, de qualquer maneira, percebi o teu ponto de vista. :D

myself disse...

compreendo perfeitamente, eu ficaria cheia de comichões também!!!

Anónimo disse...

...mas se existe uma meia laranja a outra metada deve andar por perto...[lol]!!!

Carla disse...

Ola' Tuxa,

Compreendo-te perfeitamente.
Isto nao te deixa mais bem disposta, mas para a mim a expressao e' associacao directa a ti e ao teu namorado. Talvez ate' ja' a conhecesse antes de ler o teu blog, mas o que e' certo e' que a expressao ganhou sentido ao associar-la a ti.

Bom resto de domingo :)

Anita disse...

Tuxa
essa expressão "media naranja" é utizada há tempos no castelhano, tanto na mãe pátria como nos países sulamericanos hispanofalantes.
Imagino que a sua tradução seja uma consequencia natural da passagem que as palavras fazem pelas fronteiras peninsulares e sudaquianas.
Um abraço!

Anónimo disse...

uma expressão que nos ficou dos árabes! :)

Anónimo disse...

trata-se de uma expressão criada por Platão, em sua obra "O Banquete"