A vida em Amesterdao



Nao o retalho da vida de um medico, mas o retalho da vida de uma portuguesa na terra dos diques, bicicletas, tulipas, moinhos, queijo... e sim, das drogas e do Red Light District tambem.


segunda-feira, 15 de junho de 2009

Há quanto tempo nao relaxava assim...

Este fim-de-semana a Fiona (uma amiga Inglesa que voltou para casa há cerca de 6 meses) veio a Amesterdao fazer uma visita e ficou em nossa casa... e parece-me que estive de férias!

- 6a feira a noite: relaxar, beber uns copos e comecar a por a conversa em dia.

- Sábado: acordar tarde, ir tomar um brunch a Vennington (um café com uns batidos e club sandwich de comer e chorar por mais), passear um pouco pela cidade, apanhar o ferry para Amsterdam-Noord e passar a tarde numa esplanada em frente ao rio a ver o mundo passar, passear mais um pouco, ir jantar italiano, comer para sobremesa um gelado artesanal no Jordaan, beber um café numa esplanada em frente a casa da Anne Frank, ir a casa de uma amiga para uma fruit-cocktail-party e regressar para uma noite bem dormida

- Domingo: acordar tarde, tomar um belo pequeno-almoco a tres, ir fazer umas comprinhas, levar a Fiona a Centraal Station, voltar para casa e ver 2 filmes no nosso "home cinema".

Estou revigorada!

6 comentários:

Lewis disse...

Tuxa, tu não páras!!!!Impressionante!

Tuxa disse...

Lewis,
Isto é estar parada para mim... foi o fim-de-semana mais relaxante em MESES!!!

Lewis disse...

E são momentos desses que nos fazem falta à cabeça! Tou ansioso que venham as férias em Agosto para ir relaxar a minha mente!

Rosé disse...

Existem mentes e corpos realmente fabulosos.Desejos de muita saúde para continuar a viver dessa maneira, todos deviamos ter essa energia.Beijo

Kim disse...

Esse é o lado bom da vida. Aquele que permite gozar os tempos livres com o olhar apontado para as pequenas vagas que os diques não sabem parar.
Viver nessa cidade faz-me rejuvenecer 40 anos.
Parabéns por este espaço tão acolhedor e familiar.

Tuxa disse...

Rose e Kim,
Obrigada!